13 October 2010

tais e quais

O que é amar afinal?
Li essa pergunta em um artigo, tem em torno de 5 minutos, e ela ficou gravada,martelando,piscando,pulando e o que mais você quiser, em minha mente. 
E essa pergunta necessita ser respondida; não somente eu necessito dessa resposta, mas creio que todos gostariam de saber o que é amar afinal?! - ou o que não é amar, afinal, para tudo existem dois lados da moeda.
Amar é um verbo, logo uma ação, sendo assim é algo que você faz. Dessa forma amar depende apenas de você. Contudo, entretanto,porém -sim, é necessário tudo isso, pois amar é tudo isso- ninguém decide começar a amar do nada. Geralmente amamos alguém. E qual é o motivo de amar essa pessoa? Talvez pela forma como ela te olha, ou fala com você, ou como ela foi gentil e carinhosa quando vocês se conheceram. Não existe formula para determinar porque se ama alguém, apenas tal pessoa te cativou e com isso conquistou um espaço em seu coração. 
Agora, por que no coração, e não no braço? Ou na orelha? 
Okaay, essa pergunta foi idiota, eu sei, mas usamos o exemplo do coração ,pois ele bate mais forte apenas com a lembrança da pessoa. Contudo, também é plausivel usar a mente como exemplo, pois essa pessoa passa a tomar todos os seus pensamentos.
Voltando ao verbo,logo a atitude, amar é quando você faz algo, pensando ou tendo por finalidade atingir alguém. Quando você ama, ao fechar os olhos, é a imagem daquela pessoa que lhe vem a mente. Amar é querer ver alguém feliz, é querer essa pessoa ao seu lado, é esquecer do mundo quando vocês estão por perto, é um simples abraço fazer o mundo silenciar, e parar, é um mero olhar fazer seu corpo tremer. Além disso, é a vontade de poder contar com a pessoa, de correr para seus braços quando algo não vai bem, e correr para seus braços quando tudo vai bem, é a vontade de se entregar.
Esse é o lado bom do verbo amar, é a alegria de partilhar as mesmas ações, porém, o que fazer quando existe a incerteza de que as mesmas ações não são recíprocas? Sofrer? Chorar? Amar?
Para isso também não existe formula.
Não é fácil lidar com essas ações, não é fácil amar. Não pelas ações que ele tem por consequência, mas sim pelos sentimentos que ele acarreta.
Amar é como soltar uma âncora junto com a pessoa amada, pois assim como a âncora, o amor é algo pesado, forte, que serve para nos dar uma certa, estabilidade - apesar da instabilidade de amar-. Quando se ama e é amado, você sempre vai ter um porto seguro firme em alguém, assim como a âncora serve para garantir que o navio não se mecha, e permaneça  num determinado local, as ações de amar nos garantem alguém que sempre vai estar disposto a te assegurar que não existem monstros embaixo da cama, ou que tudo aquilo foi apenas um pesadelo.
Amar não tem definição, é um pouco de tudo e de nada ao mesmo tempo, é um verbo composto por ações e sentimentos, que todos sempre vão estar em busca, ou de sentir ou de definir, contudo, sentir muitas vezes é difícil, e quando se encontra a definição, se descobre que na verdade, não existe uma definição definida - redundância, oi!.
Existe apenas conhecer a pessoa para quem você quer dedicar tais ações, e com ela descobrir como um deve dedicar ao outro tais e quais ações.

1 comment:

killer queen said...

o tal artigo que lhe fez pensar por um mero acaso seria o meu?
XD
viva intensamente uma vida sem frescura. Ame sem esperar resposta... e quem sabe a resposta não virá daquele que menos se espera?
Eu espero que sua mente tenha voltado ao lugar, em meio a tantas complicações. mas saiba que o quase principe encantado existe e estará buscando você. Ou quem sabe já não a encontrou?
Um beijo grande. Superteamo